OUÇA AO VIVO A 96FM
(82) 9-9672-7222 Whatsapp Diário Arapiraca
Dólar hoje R$ 3,146 Arapiraca, 18ºC Parcialmente nublado

Editorias

12/08/2017 08:15
Esporte
Cuca pediu demissão após ‘caso Felipe Melo’ e eliminação
O fato foi confirmado pelo treinador em entrevista coletiva
/ Foto: Reprodução

 Cuca pediu demissão do Palmeiras após a eliminação da equipe nas quartas de final da Copa do Brasil, contra o Cruzeiro, e o caso Felipe Melo. Nesta sexta-feira, o gerente executivo Alexandre Mattos revelou a informação em conversa informal com jornalistas, e o fato foi confirmado pelo treinador em entrevista coletiva.

“(Após o jogo contra o Cruzeiro) Eu falei: ‘se vocês acharem que é melhor a minha saída, eu entendo’. Mas disseram que não, então foi uma decisão da diretoria, não minha, e foi a única vez que aconteceu. Eu cumpro meus contratos, vou até o final do Campeonato Brasileiro, pois tenho contrato até o final do ano. Eu não sou de largar porque perdeu”, afirmou Cuca.

Na ocasião, após o pedido, Alexandre Mattos passou tranquilidade ao treinador e o convenceu a permanecer, decisão que se mantém até o final da temporada, segundo a dupla. Apesar do discurso afinado, ambos se contradisseram quando o tema foi Felipe Melo. Enquanto o dirigente afirmou que o pedido se deveu apenas à eliminação, o técnico disse que o motivo foi o entrevero com o volante, que acabou afastado.

“Falar que eu pedi demissão cinco, seis vezes, é mentira. O diretor veio a público com vocês e confidenciou. Uma vez eu falei, ‘se vocês acharem que é melhor eu sair, eu saio’, que foi no momento com o (afastamento de) Felipe Melo. Foi a única vez, porque eu não queria tomar aquela medida em cima de uma situação desagradável como foi depois do jogo contra o Cruzeiro, e não foi pelo resultado, mas sim do episódio”, disse o treinador.

Fonte: Veja


Link da página:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.

Esporte