11/07/2019 11:08:24
Arapiraca
Falta de cuidado e atenção com as crianças revolta pais de alunos da Escola Jaiminho
Prédio da unidade de ensino está acabado; município sugeriu que alunos fossem estudar no Caic, que fica bem longe de onde moram
ReproduçãoFiação exposta não é seguro para uma sala de aula com crianças
Laís Pita

 Na Rua Miguel Correia de Amorim era para funcionar a escola Jaiminho, que faz parte da Professor Jayme de Altavilla, mas por falta de condições estruturais a instituição está fechada e os alunos em casa. Os três meses de recesso não foram suficientes para o município providenciar a reforma, as aulas voltaram e precisaram ser suspensas.

Leandro Gama é pai de um aluno, de 4 anos, da escola, que fica no bairro Baixão, em Arapiraca, em frente à Delegacia de Homicídios. Foi ele que entrou em contato com o Diário Arapiraca ainda no mês de junho.

Na oportunidade Leandro demonstrou sua preocupação com o filho e demais estudantes, a maioria entre 4 e 6 anos.

Nesta quinta-feira (11), o assunto entrou em discussão novamente. Visto que nessa quarta-feira (10) foi realizada uma reunião com a diretora e os pais.

A sugestão da secretaria de Educação é que as crianças fiquem, por enquanto, na Escola Pontes de Miranda, mais conhecida como Caic, perto do Fórum, no bairro Santa Edwiges.

Os estudantes iriam em um ônibus fornecido pelo município e seriam acompanhados por uma cuidadora.

Poucos concordaram com essa opção. "Isso é uma falta de respeito, as crianças são pequenas, uma cuidadora só vai dar conta de mais de 50?", questionou a mãe de uma delas.

A outra solução seria esperar por tempo indeterminado. Enquanto isso, os alunos ficariam sem estudar. "Revoltante", completou Girlene.

Para finalizar a reportagem do Cledson Costa, que foi ao ar ao vivo nesta quinta (11) no Show de Notícias, Leandro pediu que o prefeito Rogério Teófilo tivesse mais atenção com a comunidade. "Estamos cansados de enrolação", disse.

Ele comentou também de um abaixo-assinado com mais de 30 assinaturas e que o Cras do Baixão funciona em um prédio alugado, porque então o município não faz a mesma coisa com a escola?!

Com a palavra, a prefeitura:

NOTA

A Prefeitura de Arapiraca, através da Secretaria Municipal de Educação e Esporte (Smede), informa aos pais dos alunos do anexo da Escola de Ensino Fundamental Professor Jaime de Altavilla, o Jaiminho, do bairro Baixão, que as devidas providências já estão sendo tomadas para melhor atendê-los.

As equipes da Secretaria de Infraestrutura (Seminfra) já receberam a autorização da Gestão Municipal para que as obras sejam iniciadas o mais breve possível na Instituição de Ensino.

Uma tentativa de acordo entre a Educação e os pais foi realizado, a fim de levar os alunos, provisoriamente, para as instalações do Centro de Educação Infantil Pontes de Miranda, no bairro Santa Edwiges, no entanto, a medida foi rejeitada pelos responsáveis pelos estudantes.

É importante salientar que o transporte escolar e uma equipe de cuidadores educacionais seriam disponibilizados para translado diário das crianças à creche Pontes de Miranda.

A gestão também tem feito a procura de um local viável e legal para locar e acomodar os alunos durante a realização das obras.

E-mail: redacao@diarioarapiraca.com.br
Telefone: (82) 9-9672-7222

©2019 - Diário Arapiraca | Portal de Notícias. Todos os direitos reservados.