11/07/2019 13:00:45
Mundo
Clínica troca embriões e mulher dá à luz filho de outra mãe
O caso aconteceu em Los Angeles, na Califórnia, e já é considerado a pior tragédia envolvendo clínicas de fertilidade; Os pais biológicos finalmente conseguiram recuperar a guarda do filho que nasceu em outro estado
Reprodução/YouTubeO casal Anni e Ashot contam o pesadelo que viveram

 Imagine só a situação. Após muitas tentativas frustradas para engravidar naturalmente, você decide fazer um tratamento. Procura uma clínica conceituada e parte para a fertilização in vitro. Duas tentativas sem sucesso de implantação depois, você descobre que um de seus embriões foi implantado, por engano, em outra mãe, que já deu à luz, inclusive.

Parece coisa de novela, mas essa história realmente aconteceu na cidade de Glendale, na Califórnia. O casal Anni e Ashot Manukyan só descobriu a existência desse filho quando o outro casal, de Nova York, formado por pai coreano e mãe americana, deu à luz a dois meninos que não eram descendentes de asiáticos. Na verdade, esse casal estava à espera de duas meninas.

As crianças nasceram no dia 30 de março. Durante meses, Anni e Ashot batalharam na justiça o direito de ter o filho de volta. "Eu não estava lá no dia do seu nascimento, não o segurei no colo, não senti os chutes na minha barriga, não fiz contato pele e pele, não o amamentei. "Tudo isso foi roubado de mim por causa dessa empresa. Ninguém deveria encontrar seu bebê em um saguão de hotel, como aconteceu conosco", disse Anni Manukyan ao canal NBC News.

Como havia apenas dois embriões na clínica, Anni concluiu que uma das tentativas de implantação de embrião foi feita com o de outro casal também.

O casal está processando o CHA Fertility Center, em Los Angeles, depois da enorme confusão. A ação civil alega negligência médica e imposição intencional de sofrimento emocional, entre outras acusações.

Anni Manukyan e sua família alegam que todos os pais envolvidos foram vítimas da negligência da clínica CHA Fertility. Ela relata que ligou para a mãe em Nova York - que deu à luz ao seu filho – e disse: “Deus vai lhe dar lindos bebês. Você merece".

Enquanto isso, a família ainda está se recuperando do tempo que levou para obter a custódia de seu filho. "No minuto em que ele olhou para mim e eu o segurei, eu senti que ele era meu", disse ao canal NBC News.

Fonte: Revista Crescer

E-mail: redacao@diarioarapiraca.com.br
Telefone: (82) 9-9672-7222

©2019 - Diário Arapiraca | Portal de Notícias. Todos os direitos reservados.