OUÇA AO VIVO A 96FM
(82) 9-9672-7222 Whatsapp Diário Arapiraca
Dólar hoje R$ 3,675 Arapiraca, 24ºC Tempo nublado

Notícias

09/02/2018 08:15
Economia
Mercado asiático segue bolsa americana e fecha em forte queda nesta sexta
Na China, principal índice de ações recuou mais de 4%. Na véspera, bolsas dos EUA voltaram a cair, num dia marcado por alta volatilidade.
/ Foto: G1

 As bolsas asiáticas fecharam em queda nesta sexta-feira (9), seguindo o comportamento do mercado americano, que recuou mais de 4% na véspera, num dia marcado por alta volatilidade.

A chance de os juros nos Estados Unidos voltarem a subir mexe com o humor dos investidores. Com os juros mais altos, investir em títulos do governo norte-americano acaba sendo mais rentável do que em bolsa de valores.

Também influenciam os mercados o fato de o governo dos Estados Unidos enfrentar uma nova paralisação administrativa em menos de um mês. Embora o senado tenha aprovado o orçamento, a Câmara ainda não votou a matéria, de um acordo para os próximos dois anos. As contas do governo estão congeladas, o que provoca um "apagão" administrativo no país.

O índice Nikkei 225 da Bolsa de Tóquio perdeu 2,32% no fechamento de sexta-feira (9), ao fim de uma de suas piores semanas há dois anos. O índice dos 225 principais valores japoneses caiu 508,24 pontos e encerrou em 21.382,62 pontos.

Os mercados acionários da China sofreram o pior dia em quase dois anos. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, teve queda de 4,26%, enquanto o índice de Xangai caiu 4,02%. Em dado momento, ambos chegaram a cair mais de 6%.

Foi a maior queda em um único dia para os dois desde fevereiro de 2016, quando as repercussões de uma tentativa de adotar um mecanismo de "circuit-breaker" após fortes perdas no mercado ainda abalava os investidores.

Todos os setores registraram perdas, liderados pelo financeiro e imobiliário. O SSE50, que acompanha as 50 blue-chips mais representativas em Xangai, caiu 4,6%. Ele subiu 25% em 2017.

O restante dos mercados da região também apresentou perdas.

Em Tóquio, o índice Nikkei recuou 2,32%, a 21.382 pontos.

Em Hong Kong, o índice Hang Seng caiu 3,10%, a 29.507 pontos.

Em Xangai, o índice SSEC perdeu 4,02%, a 3.130 pontos.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, retrocedeu 4,26%, a 3.841 pontos.

Em Seul, o índice Kospi teve desvalorização de 1,82%, a 2.363 pontos.

Em Taiwan, o índice Taiex registrou baixa de 1,49%, a 10.371 pontos.

Em Cingapura, o índice Straits Times desvalorizou-se 1,13%, a 3.377 pontos.

Em Sydney, o índice S&P/ASX 200 recuou 0,89%, a 5.838 pontos.

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: G1


Link da página:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.

Economia