OUÇA AO VIVO A 96FM
(82) 9-9672-7222 Whatsapp Diário Arapiraca
Dólar hoje R$ 3,851 Arapiraca, 25ºC Parcialmente nublado

Notícias

06/01/2018 09:52
Saúde
Hospital Universitário de Alagoas muda regras para marcação de exames
Objetivo é impedir venda de fichas. Em 2017, a Polícia Federal foi acionada para investigar grupo que vende lugares e ameaça funcionários do hospital.
/ Foto: Reprodução
G1

 O Hospital Universitário Professor Alberto Antunes (HUPAA) de Alagoas mudou as regras para marcação de exames na unidade, com o objetivo de impedir a venda de fichas. A informação foi confirmada ao G1 nesta sexta-feira (5) pela superintendente da unidade, Regina Maria Dos Santos.

Em novembro do ano passado, a Polícia Federal foi acionada para investigar um grupo que vende lugares na fila e ainda ameaça funcionários do hospital.

Desde então, o HU trabalha medidas para evitar a prática. No dia 2 deste mês, a Superintendência publicou uma portaria trazendo novas exigências para a marcação.

De acordo com a doutora Regina Maria, agora os interessados em marcar exames vão ter que comprovar parentesco com o paciente ou levar uma autorização dele para conseguir ficha.

"A Polícia Federal nos orientou para que tomássemos providência e proteger o usuário. Agora, só quem vai poder marcar é um parente próximo. Se você tem, por exemplo, uma vizinha que é paraplégica e quer marcar para ela, pode desde que traga autorização", explicou a superintendente ao ressaltar que o grupo usava até pedras para marcar lugares na fila.

No Art. 2º da Portaria nº 334, o HU determina como deve ser a autorização. "As pessoas que não tiverem condição de comparecer para marcarem suas consultas, exames ou procedimentos devem providenciar procuração reconhecida em cartório autorizando pessoa de sua confiança devidamente identificada a proceder o agendamento onde conste ser a portadora a representante legal para esta finalidade".

 


Link da página:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.

Saúde