OUÇA AO VIVO A 96FM
(82) 9-9672-7222 Whatsapp Diário Arapiraca
Dólar hoje R$ 3,225 Arapiraca, 30ºC Parcialmente nublado

Notícias

04/01/2017 15:15
Saúde
Sesau alerta sobre a importância da imunização do vírus HPV e da meningite
Imunização contra doenças foi ampliada este ano e também será ofertada para meninos de 12 a 13 anos
/ Foto: Divulgação

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) reforça o alerta sobre a importância da vacinação contra o vírus HPV, que previne a infecção pelo vírus do papiloma humano que pode provocar o câncer de colo do útero e outras doenças como câncer no pênis, verrugas genitais e câncer de boca.

A imunização é destinada a meninas com idades de 9 a 13 anos e em mulheres de 9 a 26 anos diagnosticadas com o vírus HIV. Neste ano, a vacinação também inclui os meninos, de 12 a 13 anos, que devem se dirigir aos postos de saúde para a imunização.

“Esta vacina tem efeito preventivo e não possui efeitos colaterais em infecções pré-existentes ou em doenças já estabelecidas. As famílias podem ficar certas da segurança do procedimento e levar suas filhas e filhos para garantir mais saúde e bem-estar no futuro”, reforçou a técnica do Programa Nacional de Imunização (PNI), Arlete Farias.

Arlete destacou que a vacina deve ser tomada em duas doses, no caso de adolescentes de 9 a 13 anos, sendo a segunda ministrada dois meses após a primeira. E em três doses no caso de mulheres com HIV, sendo a segunda dois meses após a primeira e a terceira ministrada seis meses depois.

Ela lembra que a vacina já está disponível nos postos de saúde de forma permanente. “No caso dos meninos a meta é de que sejam vacinados 80% da população de 12 a 13 anos de Alagoas, que equivale a 87.868 meninos”, destacou Arlete.

A técnica reforçou, ainda, que as equipes estão preparadas para receber os pais que também devem levar seus filhos para imunização contra a meningite. “Está disponível nos postos de saúde a vacina meningocócica C que protege contra a bactéria meningocóco C que provoca a meningite. A vacina, disponibilizada pelo Ministério da Saúde, deve ser ministrada em adolescentes de 12 a 13 anos em uma dose única”, salientou.

fonte: assessoria


 


Link da página:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.

Saúde