OUÇA AO VIVO A 96FM
(82) 98876-8488 Whatsapp Diário Arapiraca
Dólar hoje R$ 5,597 Arapiraca, AL 17ºC Parcialmente nublado
Editorias
21/06/2024 14:25
Polícia

Pai suspeito de espancar filha até a morte no ES é encontrado morto

Justiça havia expedido mandado de prisão de Oseas Marciel Soares nesta quinta (20)
Oseas Marciel Soares, de 48 anos, suspeito de espancar a filha até a morte em Cariacica, é encontrado morto. Espírito Santo / Foto: TV Gazeta
Redação com G1

O pai da menina Paloma Fernandes, de 6 anos, principal suspeito de ter espancado a filha até a morte, foi encontrado morto nesta sexta-feira (21), em Cariacica, na Grande Vitória. A informação foi confirmada pelo Superintendente de Polícia Especializada delegado Romualdo Gianordoli. O corpo de Oseas Marciel Soares, de 48 anos estava em uma área de mata.

 

Paloma Fernandes foi espancada até a morte dentro da casa em que morava com a mãe na noite de terça-feira (18) em Cariacica, na Grande Vitória. O corpo da menina foi encontrado ao lado da mãe Sônia Fernandes, de 46 anos, que estava gravemente ferida. Desde o início das investigações, policiais civis apontam o pai Oseas Marciel Soares como principal suspeito do crime, mas ele não havia sido encontrado, até então.

 

Nesta quinta-feira (20), o juiz Alexandre Pacheco Carreira, decretou a prisão preventiva de Oseas, argumentando que a medida era "imprescindível para o sucesso das investigações, que, por sua vez, visa a esclarecer de vez o fato criminoso e suas circunstâncias, como, por exemplo, a participação efetiva (de Oseas), bem como sua motivação, além de localizar outras testemunhas."

"Demais disso, a gravidade e a repulsa social que provocam ilícitos desta natureza, consubstanciado nos elementos de informações trazidos aos autos, justificam, também, a presente prisão temporária" 

Estado de saúde da mãe é gravíssimo

Segundo o Boletim de Ocorrência (BO) da Polícia Militar, a esposa de Oseas e mãe de Paloma, Sônia Fernandes, foi encontrada viva, mas tinha dificuldade de falar e andar.

 

A mulher apresentava um afundamento na cabeça e um hematoma no tórax. Ela foi socorrida e encaminhada para o Hospital Estadual de Urgência e Emergência, em Vitória, em estado grave.

Uma prima de Sônia, que não quis se identificar, contou na tarde de quarta-feira (19) a vítima tinha poucas chances de sobreviver e que a mulher estava "basicamente sobrevivendo por causa dos aparelhos''.

 

A parente disse ainda que, por volta das 16h, Sônia abriu os olhos, reconheceu o sobrinho e também mexeu os braços.

Cartas para Paloma

Alunos da EMEF Euvira Benedita Cardoso da Silva, escola onde Paloma estudava no bairro Novo Brasil, em Cariacica, fizeram cartas para se despedir da amiga. Todos os recados foram colocados em uma caixa, chamada de 'caixa de memórias', que foi enviada para a família da aluna.

 

Essa foi a forma encontrada pela direção da unidade para que a informação fosse dada às crianças e todos pudessem se despedir e fechar esse ciclo.

Algumas mensagens foram destinadas também à mãe de Paloma, Sônia Fernandes, desejando que ela se recupere prontamente.

Relembre o caso

Paloma Fernandes, de 6 anos, foi espancada até a morte dentro da casa em que morava com a mãe na noite de terça-feira (18) em Cariacica, na Grande Vitória. O corpo dela foi encontrado ao lado da mãe Sônia Fernandes, de 46 anos, que estava gravemente ferida. Policiais civis apontam o pai como principal suspeito do crime. Vizinhos contaram que na casa moravam pai, mãe e filha.

De acordo com a perícia da Polícia Civil, a criança morreu devido a um corte profundo na cabeça. Ainda segundo a investigação, as agressões foram praticadas por volta das 17h, mas a PM só foi acionada para a ocorrência à noite, após uma denúncia de um homicídio no bairro Novo Brasil.

 

Ao entrarem na residência, os policiais encontraram Paloma Fernandes e a mãe de 46 anos caídas no chão. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e constatou a morte da criança.

 

 

 


Link da página:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.

Polícia
KTO
KTO