17/05/2021 07:59:27
Arapiraca
Corpo de professora de Arapiraca é levado em cortejo com banda de frevo
Ela gostava muito do carnaval de Olinda e Recife e sempre ouvia frevo em casa
DivulgaçãoTinha 65 anos
Laís Pita

 Morreu nesse domingo (16), aos 65 anos, vítima de complicações da covid, a professora do curso de pedagogia do Campus I (Arapiraca) da Universidade Estadual de Alagoas (Uneal), Jacinta de Fátima Matos Gomes. 

Jacinta chegou a ficar internada na MedRadius, em Maceió. No caso da professora a doença se agravou rapidamente, até porque quando ela foi diagnosticada já estava na fase inflamatória da covid. Jacinta chegou na unidade na quarta, dia 12 de maio, e morreu nesse domingo (16). 

Amante do carnaval de Olinda e Recife, o corpo de Jacinta foi levado em cortejo, nesse domingo, com uma banda de frevo. A filha dela, Sáskya Maia, disse que a mãe curtia muito frevo e sempre ouvia em casa. 

O cortejo passou pelas ruas dos bairros Eldorado, onde ela morava, e do Baixão. O sepultamento foi no Cemitério Previda, antigo São Francisco. 

Uneal

Docente há mais de 30 anos da Universidade Estadual de Alagoas (Uneal), Jacinta Gomes ingressou na instituição em 1988 e contribuiu ativamente na construção da história da instituição, tendo ocupado diversos cargos, como o de diretora da Faculdade de Formação de Professores de Arapiraca (FFPA); coordenadora do subprojeto matemática (PIBID) da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; coordenadora de polo do Programa Especial Para Formação de Servidores Públicos (ProEsp).

A instituição decretou luto oficial de três dias. 

E-mail: [email protected]
Telefone: (82) 9-9672-7222

©2021 - Diário Arapiraca | Portal de Notícias. Todos os direitos reservados.