OUÇA AO VIVO A 96FM
(82) 9-8225-0863 Whatsapp Diário Arapiraca
Dólar hoje R$ 5,276 Arapiraca, AL 22ºC Parcialmente nublado

Notícias

14/09/2021 16:13
Alagoas
Autoescolas atualizam valores dos serviços para obtenção da CNH
Alagoas é o estado que possui a CNH mais barata do Brasil; os valores não são atualizados desde 2015
O setor chegou a um consenso, mas a decisão não é obrigatória, cada empresa pode adotar o seu valor / Foto: Divulgação Assessoria
Laís Pita com Assessoria

Atualizada às 16h45

Alagoas é o estado que possui a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) mais barata do Brasil, os valores não são atualizados desde 2015. Em média, o candidato a condutor tem que investir R$ 1.200,00 para conseguir uma habilitação na categoria B, que o autoriza a dirigir automóvel, caminhonete, camioneta e utilitário. Mas esse valor será reajustado e começará a valer a partir do dia 20 deste mês, conforme ficou decidido durante a última Assembleia Virtual Extraordinária do Sindicato dos Centros de Formação de Condutores de Alagoas (SindCFC-AL). 

Esse custo poderia ser bem maior, tendo em vista a portaria nº 1982/15, que norteia o preço a ser cobrado pela prestação do serviço das autoescolas. Desde a publicação, o valor cobrado pelas empresas não sofreu reajuste, mesmo com o aumento dos insumos, principalmente do combustível e aquisição de novos veículos.

Por exemplo, para a categoria B, hoje, a CNH em Alagoas deveria custar R$ 2.967,90, para comportar todos os custos que as empresas possuem.

Para João Batista, presidente do SindCFC Alagoas, a atualização do serviço é respaldada em levantamentos realizados por um estudo técnico: “O valor do serviço prestado pelo setor autoescola tem como base estudo técnico realizado pelo Sebrae no ano de 2015, que determinou o preço mínimo e máximo a ser cobrado pela CNH. A pretensão é atualizar os valores tendo como base esse levantamento, haja vista a crescente alta nos valores de insumos que usamos diariamente”.

Com o estudo é possível determinar o custo da hora aula em seu valor máximo. Para a categoria A o mínimo é 24,18 e o máximo 34,77; para a B, 35,07 o mínimo e o maximo 45,66; para a AB, 29,63 o mínimo e 34,80 o máximo; já para a C ou D, 59,04 o mínimo e 71,04 o máximo; enquanto que a E tem um mínimo de 8740 e o máximo de 97,40. 

A partir disso, o Sindicato apoia um valor único, mas não pode obrigar as empresas a seguir o que foi determinado. 

Os valores a serem adotados pela empresa e defendido pelo Sindicato são:

A: R$ 976,65
B: R$ 1.194,45
AB: R$ 1.678,05

Porém, o Diário reforça que cada empresa pode adotar o seu valor, para mais ou para menos. 

Além do valor do serviço das autoescolas, os futuros motoristas devem pagar a taxa do Detran/AL, que tem reajuste anual. Em 2021 a taxa estadual custa R$ 397,52 para cada candidato. Por essa razão, as empresas também encontram dificuldades para reajustar os valores cobrados pelas aulas teórica, prática e o simulador de direção.

Na condição de representante do setor, João Batista, se sente responsável em alertar a população sobre o preço cobrado por algumas empresas do segmento, já que pode causar prejuízo aos alunos. “Me sinto responsável em fazer esse importante alerta a população, pois muitas pessoas já foram prejudicadas com o fechamento de autoescolas que cobravam a baixo do valor, já que não tinham como sustentar os custos do serviço. Por isso, lembre, dirigir é coisa séria, o barato pode sair muito caro”, alertou o presidente.


Link da página:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.

Alagoas