OUÇA AO VIVO A 96FM
(82) 9-8225-0863 Whatsapp Diário Arapiraca
Dólar hoje R$ 4,182 Arapiraca, 27ºC Tempo nublado

Notícias

23/10/2019 07:48
Saúde
Devido a atrasos no SUS, até 80% de casos de câncer são descobertos em estágio avançado
Senado aprovou lei que obriga o Sistema Único de Saúde (SUS) a fazer, em até 30 dias, exames que confirmam a doença
Pedro da Silva, de 68 anos, esperou por seis meses por exame que comprovasse câncer / Foto: Marcelo Regua / Agência O Globo

 Foi o resultado de um exame de sangue que acendeu o sinal amarelo na vida do aposentado Pedro da Silva, de 68 anos. O PSA , proteína que, quando alta, indica câncer de próstata , estava acima do indicado. Ainda assim, era preciso uma tomografia para a confirmação. O teste, no entanto, só foi realizado seis meses depois .

O caso do morador de Volta Redonda ilustra um cenário comum no país: falta a urgência adequada em casos da doença, o que leva a diagnósticos com os tumores já em estágios avançados — como atesta relatório do Tribunal de Contas da União ( TCU ) divulgado em setembro.

— Demorou muito para fazer o exame. Só quando cheguei ao Inca é que a coisa andou — conta Silva, no ônibus da prefeitura de Volta Redonda que leva os pacientes da cidade do Sul Fluminense até o hospital na praça da Cruz Vermelha, no Centro do Rio.

Na semana passada, o Senado aprovou uma lei que obriga o Sistema Único de Saúde (SUS) a fazer, em até 30 dias, exames que confirmam o câncer, após o paciente ter passado por uma consulta médica que levante suspeita da doença. O texto seguiu para sanção ou veto do presidente Jair Bolsonaro.

Fonte: O Globo


Link da página:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.

Saúde