OUÇA AO VIVO A 96FM
(82) 9-8225-0863 Whatsapp Diário Arapiraca
Dólar hoje R$ 4,142 Arapiraca, 31ºC Tempo nublado

Notícias

29/08/2019 07:41
Mundo
Homem mata mãe, irmã e sobrinho e é preso nu pela polícia
A polícia da Virginia ainda não sabe os motivos que levaram o estudante a cometer todos os crimes.
Matthew Bernard (e) ataca um funcionário da igreja antes de ser preso / Foto: Reprodução Twitter

 Um homem de 19 anos foi preso em Pittsylvania County, uma cidadezinha rural no estado da Virginia (EUA), após matar a mãe, a irmã e o sobrinho de apenas 1 ano a facadas e ser perseguido nu pela polícia. O caso aconteceu na manhã da última terça-feira (27).

A polícia da Virginia ainda não sabe os motivos que levaram o estudante Matthew Bernard a cometer todos os crimes. Antes de ser preso, ele correu nu atrás de um policial diante de câmeras de uma emissora local e chegou a enforcar o funcionário de uma igreja da cidade.

Cena de terror

Segundo a imprensa local, a polícia foi acionada por volta das 8h da manhã de terça, por vizinhos das vítimas. Quando os policiais chegaram à casa, encontraram a mãe de Matthew, Joan Bernard, 62, morta a facadas na entrada da residência.

Dentro do imóvel, eles encontraram os corpos de Emily Bernard Blivens, de 24 anos, e do filho dela, Cullen, 1, ambos esfaqueados. Emily era irmã do suspeito. De acordo com a emissora local WSLS, o cachorro da família foi morto a tiros. O pai de Matthew estava em casa, mas não foi atacado.

O alerta foi emitido e cerca de 100 policiais da região armaram uma operação de busca para encontrar Matthew. Ele foi localizado pouco depois, a alguns quilômetros do local do crime, e já estava sem roupas.

Fuga sem roupa

Um vídeo  publicado no Twitter mostra Bernard correndo na direção de um policial. O oficial tem um fuzil, mas não aponta para o suspeito e, ao invés disso, tenta afastá-lo com gás de pimenta. Em seguida, ele tenta enforcar o funcionário da igreja ao lado.

Ele foi preso em seguida ali perto, em uma área de camping que pertence à sua família, após ser imobilizado por diversos policiais. Segundo uma testemunha, após ser algemado e colocado em uma viatura, ele ficou batendo a cabeça contra a janela do veículo.

"Transtornos mentais"

Em um comunicado, a polícia disse que Matthew foi dominado por dois oficiais com a ajuda de um cão policial. A nota afirma que ele apresentava sinais de "transtornos mentais". Ele foi levado à delegacia e agora a investigação corre sob segredo de Justiça.

Segundo a imprensa, Matthew se formou no ensino médio no ano passado e estava desempregado, frequentando uma faculdade local. Amigos disseram que ele é um cristão devoto e dava aulas em grupos de jovens na igreja ao lado de onde foi preso.

Fonte: R7


Link da página:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.

Mundo