OUÇA AO VIVO A 96FM
(82) 9-9672-7222 Whatsapp Diário Arapiraca
Dólar hoje R$ 3,753 Arapiraca, 23ºC Alguns chuviscos

Geral / Eduardo Cardeal

Quem é Eduardo Cardeal? Radialista e Jornalista. Atualmente é setorista do ASA, pela Rádio 96 FM de Arapiraca. Atuou em quase todas as rádios da capital Alagoana, e também em TV como correspondente de Alagoas para a Band News e TV Brasil.
05/02/2018 09:24:52
PGR denuncia deputados de Alagoas por crime de peculato; confira
/ Foto: Reprodução

 Os deputados federais por Alagoas Cícero Almeida (Podemos) e Paulo Fernando Santos, o Paulão (PT) foram denunciados pela PGR (Procuradoria Geral da República) pelo crime de peculato. A denúncia foi apresentada ao STF (Supremo Tribunal Federal) nesta 5ª feira (2.fev.2018).

Os congressistas foram investigados pela Polícia Federal no âmbito da operação Taturana, deflagrada em 2007, por desvios na Assembleia Legislativa do Estado. De acordo com as investigações, as irregularidades provocaram prejuízo superior a R$ 200 milhões aos cofres públicos.

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, sustenta na denúncia que, de 2003 e 2005, os deputados integraram uma quadrilha que atuava nos desvios com apoio de dirigentes do Banco Rural. Eles fizeram empréstimos pessoais junto à instituição financeira, que eram pagos com verba de gabinete.

À Polícia Federal, Cícero Almeida reconheceu a contratação de empréstimos, mas negou ter quitado as parcelas com verba pública. Contudo, o laudo de exame financeiro do político encontrou registros de duas operações de crédito junto ao Banco Rural, cujas parcelas foram pagas com verbas de gabinete.

O deputado Paulão também afirmou em depoimento que os recursos utilizados para pagamento de empréstimos bancários eram próprios. Mas, de acordo com a PGR, o laudo de exame financeiro apontou a utilização indevida de verbas de gabinete por 14 vezes, para a quitação de empréstimos junto ao Banco Rural.

Se forem condenados, os deputados podem pegar de 2 a 12 anos de prisão, além de serem obrigados a pagar uma multa. A denúncia também pede a reparação do valor desviado e a indenização por dano moral coletivo, acrescido de juros e correção monetária.

Cícero Almeida e Paulão concorreram à prefeitura de Maceió em 2016. Ainda pelo PMDB, Almeida disputou o 2º turno contra Rui Palmeira (PSDB), que venceu o pleito.

 

 


Link da página:
O portal Diário Arapiraca não se responsabiliza pelos conteúdos publicados nos blogs dos seus colaboradores.

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.

Eduardo Cardeal