OUÇA AO VIVO A 96FM
(82) 9-8225-0863 Whatsapp Diário Arapiraca
Dólar hoje R$ 4,328 Arapiraca, 25ºC Tempo nublado

Editorias

16/01/2020 15:23
Polícia
Ladrão que assaltou hotel e clínica engana justiça e foge de Centro de Reabilitação
Fernando José da Silva, 35 anos, foi preso após praticar assaltos no centro de Arapiraca
Ladrão que assaltou hotel e clínica engana justiça e foge de Centro de Reabilitação / Foto: Reprodução
Redação

Na manhã desta quarta-feira (15), Fernando José da Silva, 35 anos, preso por praticar assaltos no centro de Arapiraca, passou por audiência de custódia, ganhando a liberdade provisória com medidas cautelares. Uma das medidas seria internar-se em uma clínica de reabilitação para tratar da dependência química.

Nesta quinta-feira (16), pela manhã, Fernando foi levado pela polícia para uma clinica de reabilitação no centro de Arapiraca mas, de acordo com a assessoria de comunicação do projeto Anjos da Paz, para onde foi levado, hoje pela manhã Fernando compareceu acompanhado da Polícia Civil, que o deixou no local para realizar triagem com os técnicos, procedimento padrão realizado pela clínica antes de mandar qualquer uma pessoa para casa de acolhimento. Logo após ser deixado, com a saída da polícia, não quis realizar o tratamento e fugiu do local.

De acordo com a assessoria da clínica, eles não poderiam força-lo a realizar o tratamento, visto que o acolhimento é voluntário. Dessa foram ele saiu do Centro de Acolhimento correndo pela rua. A clínica Informou o caso à 52ª Delegacia de Polícia Civil de Arapiraca e à 8ª Vara de Justiça via ofício.

O que foi definido na Audiência de Custódia

Na audiência que foi realizada na quarta-feira (15), como ele confessou ser usuário de drogas e que tinha o desejo de tratar-se do vício, o juiz determinou a liberação do preso, impondo medidas cautelares.

Dessa forma, CONCEDO A LIBERDADE PROVISÓRIA a FERNANDO JOSÉ DA SILVA, impondo as medidas cautelares previstas de: 1) comparecimento trimestral em juízo para informar e justificar suas atividades; 2) obrigatoriedade de apresentação do comprovante de residência no prazo de 05 (cinco) dias; 3) proibição de frequentar lugares congêneres relacionados ao fato delituoso, devendo o(a)(s) flagrado(a)(s) permanecer distante desses, para evitar o risco de novas infrações; 4) não alterar de residência ou sair da comarca por mais de 08 (oito) dias, sem autorização judicial; 5) recolher-se a sua residência das 22:00 até às 05:00 horas; 6) Não manter contato com as vítimas, seja por qual meio for; 7) comparecimento na Clínica Anjos da Paz, situada na Av. Ceci Cunha, nesta cidade.

Fica o(a)(s) flagrado(a)(s) advertido(a)(s) que o descumprimento das condições implicará na decretação da prisão preventiva.
 


Link da página:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.

Polícia